IMESB

Curso de Engenharia Agronômica realiza a 4ª SEEAGRO

O IMESB (Instituto Municipal de Ensino Superior de Bebedouro - “Victório Cardassi”) promove entre os dias 16 e 19 de outubro, a  4ª Semana de Engenharia Agronômica - SEEAGRO. As atividades acontecem no anfiteatro da instituição e na Estação Experimental de Citricultura de Bebedouro, com início às 19h30. A Semana conta com a participação de profissionais da área e professores do curso. O evento é aberto a todos os interessados. 

Na programação estão previstos os debates sobre os temas: Principais doenças da cana-de-açúcar e controle, Cenário atual das plantas daninhas nas culturas da soja, milho e cana-de-açúcar, Nematoides no contexto da agricultura, Uso de VANT’s no auxílio ao combate de plantas daninhas e Cultura da Seringueira: Investimentos e retorno. No decorrer das atividades haverá o “Momento Empresa”.

Na segunda-feira (16), o evento ocorre a partir das 19h30, no anfiteatro do IMESB com abertura e palestra sobre “Principais doenças da cana-de-açúcar e controle”. O convidado é o prof. Dr. Modesto Barreto. Ele possui graduação em Agronomia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1975), mestrado em Agronomia pela Universidade de São Paulo (1980) e doutorado em Fitopatologia pela Universidade de São Paulo (1985). Atualmente é professor assistente - doutor da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Fitopatologia, atuando principalmente nos seguintes temas: fungicidas, epidemiologia, patologia de sementes e previsão de doenças.

Na terça-feira (17), também no anfiteatro, a primeira palestra fica por conta do prof. Dr. Jaime Maia dos Santos, que discorrerá sobre o tema: “Nematoides no contexto da agricultura”. Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Viçosa (1975), mestrado em Microbiologia Agrícola pela mesma Instituição (1978) e doutorado em Agronomia (Proteção de Plantas) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho/Faculdade de Ciências Agronômicas, Campus Lageado, Botucatu, SP (1997). Atualmente é professor assistente doutor da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho/FCAV, Campus de Jaboticabal, SP, atuando principalmente nos seguintes temas: manejo e controle biológico de fitonematóides, taxonomia de fitonematóides, fungos nematófagos, microscopia eletrônica de varredura. 

A segunda palestra da noite “Cenário atual das plantas daninhas nas culturas da soja, milho e cana-de-açúcar”, com o prof. ms. Adriano Mastro. Ele é biólogo formado pela Faculdade Integradas de Ourinhos, Especialista em proteção de plantas pelo Instituto Phytus. Experiência com cana de açúcar desde 2002, atuando na área de desenvolvimento de produtos (herbicidas e inseticidas) na Syngenta como Assistente Técnico responsável pela área de pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias para cana-de-açúcar.

Já na quarta-feira (18), ainda no anfiteatro, a palestra é sobre “Uso de VANT’s no auxílio ao combate de plantas daninhas”, com o prof. ms. Edison Baldan Júnior. Engenheiro Agrônomo, formado pela Faculdade Manoel Carlos Gonçalves, Espirito Santo do Pinhal. Mestrado pela Universidade Estadual Paulista/Unesp. Proprietário da Baldan Soluções Integradas. Experiência em tratos culturais em Usinas de cana-de-açúcar. Especialista em Manejo de plantas Daninhas. Em 2016 iniciou a empresa de desenvolvimento e pesquisa apoiada em tecnologia com uso de conceitos clássicos na agricultura.

Para finalizar, na quinta-feira (19), a palestra ocorre na Estação Experimental, onde a engenheira Maria Aparecida de Ávila Jacyntho Sorge tratará sobre “Cultura da Seringueira: Investimentos e retorno”. Ela é Engenheira Eletricista formada em 1979, mestre em Engenharia Elétrica pela USP-São Carlos, MBA em Gestão de Negócio pelo Instituto Schneider de Formação de Executivos - Paris – França, professora universitária entre 1980 e 1987, Engenheira Eletricista pelo Grupo Isolev, gerente/diretora de Engenharia da Área de Subestações do Grupo Schneider, consultora da Área de Serviços ao Cliente do Grupo Rede - Concessionarias de Energia, produtora rural de seringueira desde 2003 no Triangulo Mineiro, gestora da Propriedade Rural incluindo: a compra da terra, formação do viveiro, plantação do seringal, preparação para a sangria, gestão dos sangradores, negociação com a Usina, pesagem e entrega da borracha, calculo dos tributos e emissão de Nota Fiscal, avaliação financeira/rentabilidade.

As inscrições podem ser feitas na coordenação de curso antecipadamente, com taxa de R$30, e também no dia do evento, sendo o valor de R$35. Os participantes receberão certificados.

Patrocinadores: Ourofino Agrociência, Spraytec, Kimberlit, FMC, Du Pont, Nufarm e Sementes Estrela.

IMESB
Rua Nelson Domingos Madeira, 300, Parque Eldorado

Estação Experimental de Citricultura de Bebedouro 
Rodovia Brigadeiro Faria Lima, km 384

IMESB na Rede