IMESB

Serviço Social

 O curso de Serviço Social do IMESB iniciou suas atividades em 2003.

Objetivos

O projeto pedagógico do Curso de Serviço Social foi elaborado com o objetivo de preparar um profissional generalista na sua formação, baseada em princípios da teoria social crítica para interpretação da realidade com aportes técnico-instrumentais, baseados em princípios ético-políticos, voltados para a defesa e a efetivação da cidadania. 

O curso prioriza a formação de um profissional generalista em sua formação intelectual e cultural, preparando-o para atuação em diferentes campos de trabalho de modo competente, criativo, propositivo no enfrentamento das diversas expressões da questão social, que se alteram constantemente na atual sociedade globalizada.    

A formação se organiza no tripé de ensino, pesquisa e extensão, de modo a preparar o profissional para a leitura da estrutura social, do contexto e da conjuntura social, econômica, política e cultural, numa dimensão de totalidade. Prepara o Assistente Social para atuação em órgãos públicos, empresas, organizações da sociedade civil, em movimentos sociais, tanto no nível de gestão como de execução.

Para o desenvolvimento da competência profissional a formação atende aos aspectos teórico-metodológico, ético-político e técnico-operacional fundamentados, nos princípios expressos no projeto ético-político e no código de ética da profissão.

 


Perfil

A graduação, por meio do ensino, pesquisa e extensão, visa a formação de profissionais capacitados a atuarem nas demandas postas pela sociedade, contribuindo na formulação e execução de políticas públicas para o desenvolvimento da cidadania e da democracia no país. Visa concomitantemente à apreensão sócio histórica crítica da realidade vista como totalidade a partir da análise das demandas e formulações alicerçadas no projeto ético político profissional do Serviço Social.

No contexto institucional em que se insere o curso, a formação profissional do assistente social traz, numa concepção de ensino-aprendizagem estabelecida pelos parâmetros da vida social, o compromisso com o trabalho coletivo inserido na divisão social e técnica do trabalho, fortalecendo o processo de construção do profissional crítico e propositivo.

Para obter esse perfil o curso prepara o profissional para:

ØContribuir para a dinâmica da vida social baseada na igualdade, equidade, solidariedade e justiça social e democracia.

ØDefender a legitimidade do exercício profissional calcado nos princípios éticos e políticos, definidos nas Atribuições e Competências do Assistente Social Lei n.º 169/99, e na observância das transformações do processo produtivo e das condições de trabalho no Brasil. 

Ø Formular, implementar, executar e avaliar políticas públicas garantidoras do processo de fortalecimento e ampliação da cidadania capaz de conduzir a efetiva participação dos vários segmentos sociais nas mais diversificadas dimensões da vida social.

ØPromover a implementação de ações/respostas profissionais às demandas e requisições colocadas pela sociedade.

ØFormular proposições e desenvolver habilidades para trabalhar com as diversas instituições (públicas, privadas e organizações não governamentais) detectando tendências e possibilidades de intervenção em defesa da comunidade.

ØEntender o contexto sócio cultural e econômico, com vistas a efetivação e expansão da profissão, por meio de seu conhecimento científico e tecnológico, habilidades, qualificações e compromisso ético político profissional.

 


Área de atuação

O que faz um assistente social?

O profissional de serviço social irá atuar com o planejamento e execução de políticas públicas e programas sociais sempre pensando no bem-estar da população e procurando inserir os cidadãos excluídos socialmente. Pensando nessas questões, o profissional poderá implementar programas assistenciais e campanhas voltadas para a melhoria da alimentação, da saúde, educação, entre outras. Poderá desenvolver ações em penitenciárias e abrigos para menores com o objetivo de reintegrá-los e capacitá-los para viver socialmente, sendo aceitos em suas comunidades. É possível ainda trabalhar com proteção à criança e ao adolescente que estão em situação de risco social, adoção ou disputa de guarda.

Pode atuar em órgãos públicos ou em empresas privadas gerenciando programas educativos, de lazer, segurança do trabalho, direitos sociais aos funcionários e suas famílias e acesso às políticas sociais públicas. 

Para o Assistente Social exercer a profissão é preciso se inscrever no Conselho Regional de Serviço Social.

O Curso de Serviço Social recebeu o Prêmio Melhores Universidades "Guia do Estudante 2011 - 2012 - 2013 - 2014 - 2017", promovido pela Editora Abril. 


Autorizado pelo Parecer CEE Nº 644/2002. Aprovado em 18/12/2002, pela Portaria CEE GP nº 37/2003, pub. no DOE de 24/01/2003, sendo reconhecido pelo Parecer CEE nº 251/2006 e Portaria CEE GP nº 209/2006 de 08/6/2006. Portaria do CEE/GP nº 512 de 18/12/2014, pub. no DOE em 19//12/2014.

Informações adicionais

  • Início do funcionamento: 05 de março de 2003
  • Período: Noturno
  • Duração: 4 anos
  • Regime de Matrícula: anual / semestral para ingressantes a partir de 2016
  • Vagas: 60
  • Prazo de integralização curricular: 4 anos mínimo / 7 anos máximo 
Mais nesta categoria: Corpo Docente »
IMESB na Rede